Mais vida na VIDA!


A vida segue num cotidiano repetitivo, em que a sede e fome por mais VIDA se faz presente continuamente. Essa VIDA que ansiamos foi objetivo do Senhor para nós. Ele mesmo revela esse objetivo ao dizer “Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (João 10.10). A VIDA, que é o próprio Jesus, é para todos e quando nos abrimos para ela, mais e mais desvendamos o seu real significado e valor para a caminhada cristã.


Temos mais vida na VIDA quando compreendemos a dimensão de que a vida abundante nos é trazida Nele e não produzida por nós. Há uma fonte de mais VIDA e quando a buscamos melhoramos a nossa vida. Significa ter mais vida na proximidade relacional com a VIDA.


A proximidade relacional com a VIDA nos leva a um conhecimento especial dela. Esse conhecimento fará com que sejamos o perfume de Cristo, que é exalado por Deus através de nós em todo lugar, conforme II Coríntios 2. 14-15: “14Mas graças a Deus, que sempre nos conduz vitoriosamente em Cristo e por nosso intermédio exala em todo lugar a fragrância do seu conhecimento;15porque para Deus somos o perfume de Cristo entre os que estão sendo salvos e os que estão perecendo”.


O texto traz a metáfora do perfume para nos ensinar sobre a vida cristã.

Quem não gosta de um bom perfume, de bons cheiros e boas fragrâncias?

Cada pessoa tem preferências em relação às fragrâncias, uns gostam de mais cítricos, outros mais amadeirados, outros preferem os mais doces. O fato é que nós gostamos de bons perfumes.


Fragrâncias borrifadas em nosso corpo são extremamente agradáveis tanto para nós mesmos como para qualquer pessoa que se aproximar de nós. Ao usarmos determinada fragrância espalhamos seu perfume por onde passamos.


No entanto, borrifar boas fragrâncias em pontos externos de nosso corpo pode ser insuficiente. Pois quando alguém está sem banho não basta colocar perfume. Mesmo que seja o melhor dos perfumes, a mistura da fragrância do perfume com o odor de um corpo mal higienizado resulta num cheiro desagradável. Para se exalar uma boa fragrância, não basta usar um bom perfume, é preciso também lavar o corpo, escovar os dentes etc. Não basta utilizar perfume simplesmente para disfarçar os maus cheiros. Caso contrário eles sobrepujarão a fragrância de qualquer perfume, mesmo que seja o melhor. Tomando esses cuidados circulamos entre as pessoas sem constrangimentos.


Podemos utilizar a metáfora dos perfumes para lembrar que além dos perfumes externos que exalamos por onde andamos, exalamos também “perfumes” de outra ordem, que são as fragrâncias que exalamos de nossa alma, as que vêm da nossa essência. Por mais que nos perfumemos e ornemos externamente, não dará conta de disfarçar quem somos em nossa essência.


Portanto, os cuidados para exalarmos uma boa fragrância por onde passamos, incluem especialmente os cuidados relacionados à nossa essência.


O bom perfume de Cristo remete a um conjunto de bons aromas que são reproduzidos e exalados pela via da espiritualidade. É um perfume muito especial cuja fragrância somente é obtida na relação com Deus.