A VIVÊNCIA PSICOLÓGICA DO TRABALHO TRABALHO PASTORAL: das tarefas às relações interpessoais

Curso para pessoas envolvidas no ministério pastoral, liderança em igrejas e comunidades cristãs.

APRESENTAÇÃO

A Psicologia do Trabalho tem como enfoque, tanto na teoria como na prática, a prevenção e promoção da saúde do trabalhador no ambiente em que está inserido, não importando qual seja, podendo ser empresarial, público ou do terceiro setor. Este último engloba as entidades e associações filantrópicas, não governamentais ou de representação, incluindo também as entidades religiosas, que também abarcam o ambiente de trabalho do pastor evangélico.

Diante da possibilidade de acolher o pastor evangélico objetivando sua saúde, pesquisadores se esmeraram em pesquisar sobre o trabalho pastoral buscando compreender suas características.

Os resultados apontam que o trabalho pastoral se assemelha ao trabalho no mercado secular na exigência cada vez maior do líder, acarretando em alterações físicas, psíquicas e sociais. Esse aspecto sinaliza a relevância de serem proporcionados espaços de reflexão para pastores.

Para engendrar esta proposta foi elaborado o curso “A Vivência Psicológica do Trabalho Pastoral: das tarefas às relações interpessoais”. Nasceu em 2008, a partir de uma pesquisa acadêmica realizada na Universidade Federal do Paraná (UFPR), orientada pela Professora Doutora Lis Andrea Soboll, e da formação de grupos de reflexão com pastores da cidade de Curitiba, orientada pela Professora Elaine Cristina Schmitt Ragnini. Desde sua primeira edição o curso recebeu o aporte de EIRENE do Brasil (associação internacional, de raízes Latino-americanas, sem fins lucrativos, de profissionais cristãos que trabalham em favor do desenvolvimento, fortalecimento e defesa da saúde integral da família no Brasil, na América Latina e no mundo) por meio de seu coordenador, o Professor Doutor Carlos Tadeu Grzybowski.

A proposta do curso visa trabalhar com grupo de pastores, missionários e seus cônjuges, ou qualquer pessoa que esteja envolvida com a tarefa pastoral de alguma forma, podendo ser de tempo integral ou parcial. Os participantes podem ser pertencentes a um mesmo grupo denominacional eclesiástico ou de denominações diferenciadas.

 

OBJETIVO

  • Articular temas referentes ao trabalho pastoral, levando em conta dados de pesquisas articulados com a literatura da psicodinâmica do trabalho.

  • Promover um espaço para reflexão sobre como está organizado o trabalho do pastor, suas exigências, as vivências de satisfação e sofrimento experimentados pelo pastor evangélico no exercício pastoral e sobre as estratégias utilizadas para enfrentar as dificuldades no ministério.

  • Servir de apoio e estímulo para troca de experiências, objetivando a promoção e prevenção de saúde no trabalho do pastor evangélico.

 

TEMAS

  1. O contexto do trabalho pastoral.

  2. As exigências decorrentes do trabalho pastoral.

  3. As vivências de satisfação e sofrimento no trabalho pastoral.

  4. As estratégias de mediação do sofrimento no trabalho pastoral.

 

REALIZAÇÃO:

  • Os quatro temas do curso são trabalhados em um final de semana, desde sexta feira a noite até domingo ao meio dia.

  • Para cada tema será necessário um período de três horas.

  • Sugestão para cronograma: 1º tema: sexta feira à noite; 2º tema: sábado de manhã ou tarde; 3º tema: sábado a tarde ou noite; 4º tema: domingo de manhã.

  • Para informações sobre datas disponíveis, investimento, hospedagem, transporte e outros detalhes clique em contato e envie uma mensagem.

 

AUTORIA E COORDENAÇÃO

Clarice Ebert (psicóloga (CRP08/14038), terapeuta familiar, professora e palestrante)

 

O curso "A Vivência do Trabalho Pastoral" é oferecido em parceria com EIRENE do Brasil.

© Por Ministério Vida Melhor. Desde 2015.